Domingos Neto é contra eventual rebaixamento da CGU na reforma administrativa

O parlamentar pediu esclarecimentos ao Governo sobre as notícias veiculadas de que a CGU perderia o status de ministério.

30/09/2015 às 10:27:00 | 188 visualizações

Em Plenário nessa terça-feira (29), o líder do PROS, Domingos Neto (CE), defendeu a Controladoria-Geral da União na reforma administrativa. “Não será diminuindo a força daqueles que combatem a corrupção que nós vamos dar um símbolo importante para a sociedade”, afirmou o parlamentar.

Neto pediu esclarecimentos ao Governo sobre as notícias veiculadas de que a CGU perderia o status de ministério e teria a atribuição repartida em três pastas.  “Alguém do Governo, o líder ou algum vice-líder precisa responder essa dúvida que este Plenário inteiro tem sobre o que vem sendo noticiado a respeito da CGU. Quando sai uma notícia dessa e ninguém vem desmenti-la, naturalmente, isso nos causa uma grande preocupação”, frisou o deputado.

Segundo informou o líder, das quatro secretarias do órgão, a Secretaria de Prevenção à Corrupção deixaria de existir. “Não será extinguindo a CGU ou as suas prerrogativas que este Governo vai fazer reforma administrativa de respeito”, comentou. Na avaliação do parlamentar, há diversas maneiras de diminuir o número de ministérios sem afetar a instituição. “Ainda mais neste momento, quando o Brasil inteiro está assistindo a vários problemas vinculados à corrupção e a CGU tem atuado fortemente no sentido de defender o interesse público”, argumentou.

 

Redação PROS na Câmara

Sem tags