Hugo Leal homenageia monsenhor Paulo Chedier, vigário-geral de Petrópolis

Paulo Elias Daher Chedier, informou o deputado, completou 60 anos de vida sacerdotal no último dia 5 de março.

06/03/2015 às 12:06:00 | 252 visualizações

O deputado Hugo Leal (PROS-RJ) homenageou, em Plenário, o monsenhor Paulo Elias Daher Chedier, que completou, em 5 de março, 60 anos de vida sacerdotal. “O percurso existencial desse ilustre homenageado vem sendo marcado por múltiplos feitos religiosos e sociais”, disse. Nascido em Salvador em 1931, Paulo Daher foi para o Rio de Janeiro ainda criança. Cursou o seminário São José no Rio de Janeiro e depois a Universidade Gregoriana em Roma, onde se formou padre em 5 de março de 1955, retornando no mesmo ano à Diocese de Petrópolis. Em 1970, recebeu o título de Cônego da Diocese e em 1980 recebeu, do papa João Paulo II, o título de monsenhor. Chedier foi professor no Seminário Diocesano, diretor das Obras das Vocações Sacerdotais, promotor Vocacional e diretor espiritual no Seminário Diocesano de 1956 a 1967. Foi também professor no Colégio Werneck, Ipiranga, Instituto Social São José, Colégio Santa Isabel e UCP - de 1958 a 1992. Além disso, ressaltou Hugo Leal, deu assistência religiosa aos alunos do Colégio São Paulo, em Teresópolis. Desde 1995, é capelão e orientador religioso do Colégio Santa Isabel. Em 1967, assumiu como pároco da Catedral, onde ficou por 19 anos.

Durante este período, apontou o deputado, desenvolveu vários trabalhos pastorais nas comunidades da paróquia e também teve participação em outros movimentos e eventos na cidade, como no Grupo Ação, Justiça e Paz, onde foi eleito secretário no ano de 1979, deixando o cargo em março de 1980, quando foi eleita nova diretoria. Foi Administrador da Diocese de Petrópolis de 1º de janeiro a 16 de dezembro de 2012 e, hoje, tem a função de vigário-geral da Diocese de Petrópolis.

O monsenhor Daher, afirmou Hugo Leal, exerceu com zelo todos os serviços que lhe foram confiados, mas sempre dedicou seu tempo e entusiasmo ao anúncio do Evangelho, através da orientação espiritual de diversas pastorais e movimentos, entre eles a Catequese, Pastoral Familiar, Equipes de Nossa Senhora, Renovação Carismática Católica, Legião de Maria e os fiéis, através da orientação espiritual e confissão. “Com o mesmo afinco que lhe permitiu avançar na seara religiosa, durante os 59 anos em Petrópolis, desenvolveu atividades voltadas ao bem estar da população de todas as camadas sociais. Participou de ação social também em momentos de calamidade pública, incentivando as comunidades para um apoio fraterno a todos os que perderam bens e familiares”, completou o parlamentar.

Para Leal, todo esse esforço e entrega tem um único objetivo, que é o de alinhar e colocar na mente e no coração das pessoas valores cristãos que conduzam suas vidas na direção certa dos ideais que possam levá-los à realização certa do seu presente e de seu futuro.

Redação PROS na Câmara

Sem tags