Acácio Favacho e Capitão Wagner participam de homenagem a ex-ministro da Agricultura

Alysson Paolinelli foi indicado ao Prêmio Nobel da Paz 2021 e é o responsável pela chamada Revolução Verde, que fez do Brasil um dos maiores produtores mundiais de alimentos.

22/06/2021 às 13:45:11 | Atualizada em 22/06/2021 às 13:56:11 | 272 visualizações

O deputado e Secretário de Comunicação da Câmara, Acácio Favacho (AP), e o líder do PROS, Capitão Wagner (CE), participaram, nesta terça-feira (22), da cerimônia em homenagem a Alysson Paolinelli, ex-ministro da Agricultura, no Salão Negro do Congresso Nacional. Responsável pela chamada Revolução Verde, que fez do Brasil um dos maiores produtores mundiais de alimentos, Paolinelli foi indicado ao Prêmio Nobel da Paz 2021.

O líder do PROS, Capitão Wagner, destacou a importância do trabalho desenvolvido pelo ex-ministro e afirmou que a indicação ao Nobel da Paz é uma homenagem justa a quem tanto contribuiu para o avanço do setor agrícola no país.

“Enquanto representante da bancada do nordeste, sinto-me orgulhoso em homenagear o eterno ministro da Agricultura, nosso amigo Alysson Paolinelli. Se hoje a nossa ministra da Agricultura e o Governo Federal têm o apoio do setor do agronegócio é por conta do trabalho que foi plantando lá atrás por esse homenageado que nos orgulha. Ele é o patrono da agricultura moderna do nosso país e fez com que vencêssemos essa Revolução Verde. Se Deus quiser, essa figura ilustre vai ser homenageado no Prêmio Nobel da Paz de forma justa, afinal de contas, por tudo que ele construiu e plantou, ele merece mais do que nunca essa homenagem”, ressalta o parlamentar.

O homenageado

Nascido em Bambuí (MG), Alysson Paolinelli foi titular do Ministério da Agricultura de 1974 a 1979, durante o governo do presidente Ernesto Geisel. Ciente da importância do investimento em pesquisa e tecnologia para o campo, foi responsável por modernizar a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e promover a ocupação econômica do cerrado brasileiro.

Implantou um programa de bolsas de estudos para estudantes brasileiros nos maiores centros de pesquisa em agricultura do mundo. Cuidou também da reestruturação do crédito agrícola e do reequacionamento da ocupação do bioma amazônico.

Em 2006, Paolinelli ganhou o prêmio World Food Prize, concedido a pessoas que ajudaram consideravelmente a população a melhorar a qualidade, quantidade ou disponibilidade de alimentos no mundo.

Com informações da Agência Câmara

Redação PROS na Câmara