Em discurso, Acácio Favacho fala sobre naufrágio no sul do Amapá

“Não posso deixar de demonstrar a minha total indignação com esse terrível fato! Precisamos de mais fiscalização ao transporte fluvial na Amazônia. Meio de transporte de fundamental importância para àquela população, que utiliza os rios da região como estradas diariamente”, afirma o deputado em discurso na Câmara dos Deputados.

05/03/2020 às 11:25:26 | Atualizada em 05/03/2020 às 11:36:56 | 278 visualizações



O Líder do PROS, deputado federal Acácio Favacho (AP), lamentou em discurso no Plenário da Câmara dos Deputados a morte de dezoito pessoas no naufrágio da embarcação Anna Karoline 3 na madrugada de sábado (29), no rio Jari no sul do Amapá. O deputado afirmou que infelizmente o cenário não é surpreendente.

“É com um grande pesar e com aperto no coração, que venho aqui relatar mais uma tragédia fluvial, ocorrida em meu estado. O que vem nos deixando ainda mais apreensivos, é que como de costume, infelizmente, pela falta de uma fiscalização mais rigorosa, o número exato de passageiros que estavam a bordo da embarcação é desconhecido. Segundo informações não oficiais o barco transportava entre 60 a 70 pessoas”, afirma o deputado.

Segundo a imprensa, são 25 vítimas fatais, 49 sobreviventes e com 12 pessoas desaparecidas. O parlamentar também em seu discurso agradeceu aos órgãos competentes do estado do Amapá, do Pará e a Marinha do Brasil, que prestaram de forma ágil, todo o atendimento necessário no local do acidente.

Favacho também reclamou em seu discurso dos problemas de fiscalização das embarcações de transporte fluvial na Amazônia. “Não posso deixar de demonstrar a minha total indignação com esse terrível fato, e tolerar a falta de maior rigor na fiscalização ao transporte fluvial na Amazônia, que é de fundamental importância para àquela população, que utiliza os rios da região como estradas diariamente. E, nesse momento tão lastimoso, quero também deixar aqui a minha solidariedade às famílias das vítimas e peço a Deus, que derrame sobre todos, as suas bênçãos”, afirma o deputado.

As causas do acidente ainda não foram divulgadas. O comandante da embarcação disse à Marinha que um vento forte atingiu o veículo e derrubou passageiros na água. Um inquérito foi instaurado para investigar o caso.

Redação PROS na Câmara