Weliton Prado questiona reajuste de energia elétrica

O parlamentar vem assumindo o protagonismo na luta contra o aumento das tarifas em Minas Gerais.

25/11/2019 às 10:00:33 | Atualizada em 25/11/2019 às 10:11:36 | 149 visualizações

O deputado Weliton Prado (MG), ao postar em suas redes sociais a capa do jornal “O Tempo”, que traz na manchete o lucro líquido de R$ 2,6 bilhões da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), registrados no período de janeiro  setembro deste ano, voltou a criticar o reajuste na tarifa de energia elétrica cobrada dos consumidores no estado. 

O parlamentar lembrou da investigação solicitada por ele ao Tribunal de Contas da União e à Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara dos Deputados. “A Cemig, mais uma vez, confirma lucro recorde às custas do sofrimento dos consumidores que pagam uma abusiva tarifa na conta de luz. Por isso, sou autor da investigação na CDC com o TCU sobre o aumento na conta de luz esse ano, o ciclo de investimentos, os indícios graves de fraudes nos indicadores de qualidade que podem ter elevado a tarifa de forma ilegal e os ganhos que não são revertidos para redução das tarifas”, frisou.

Weliton Prado vem assumindo o protagonismo na luta contra o reajuste da tarifa de energia no estado. Em vigor desde maio deste ano, o reajuste médio foi de 8,73% na tarifa de energia para os consumidores de Minas Gerais atendidos pela empresa Cemig.  Já para os consumidores industriais, atendidos em alta tensão, o reajuste médio foi de 10,71%.

Com informações do Pros Nacional. 

Redação PROS na Câmara