Toninho Wandscheer participa de lançamento de Agenda Legislativa de Desenvolvimento Social

“São várias questões que serão discutidas pela Câmara e pelo Senado. Precisamos levar em conta o povo brasileiro que enfrenta uma realidade dura com a reforma da previdência e os ajustes fiscais. Temos que pensar em alternativas para ajudar o povo. Parabéns a esta Casa que traz para si o protagonismo de resolver o problema do povo brasileiro”, afirma o deputado e líder do PROS Toninho Wandscheer.

19/11/2019 às 19:19:05 | Atualizada em 19/11/2019 às 19:50:50 | 139 visualizações


O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, lançou, nesta terça-feira (19), a agenda legislativa de desenvolvimento social. A agenda tem como objetivo debater propostas voltadas ao combate à pobreza e à redução das desigualdades. O pacote de medidas terá cinco eixos principais: garantia de renda; inclusão produtiva; rede de proteção ao trabalhador; incentivo à governança responsável com uma Lei de Responsabilidade Social; e promoção do acesso à água e ao saneamento. Participaram do evento líderes partidários e outros deputados.

O líder do PROS, Toninho Wandscheer (PR), esteve no evento e parabenizou o presidente da Casa pela coragem e protagonismo em iniciar esse diálogo.

“Com o lançamento da Agenda, que vai tratar do Desenvolvimento Social,  a Câmara mostra um protagonismo importante para o país com a liderança do nosso presidente Rodrigo Maia. Nós trabalhamos muito aqui nesta Casa para aprovar as reformas que o Governo precisava para reajustar as contas fiscais. Agora precisamos articular ações que beneficiem o povo que está desempregado. Esse povo precisa, sem dúvida alguma, de uma renda, e é sobre isso que essa Agenda vai tratar. São várias questões que serão discutidas pela Câmara e pelo Senado”, afirma o deputado.

O presidente da Câmara destacou também que as reformas econômicas no País precisam ter um viés social para que haja mais contribuição dos que possuem mais renda. Segundo ele, a Casa iniciará os debates sobre o tema com a criação de comissões especiais.

Redação PROS na Câmara