“O combate ao Câncer tem pressa, precisamos garantir tratamento, acompanhamento e diagnóstico”, diz Weliton Prado

Em sessão solene que lembrou o Dia Mundial de Combate ao Câncer, Weliton Prado defendeu a criação de uma Comissão Especial sobre o Combate ao Câncer no Brasil.

09/04/2019 às 12:21:51 | 272 visualizações

No Brasil, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o câncer é a segunda causa de morte no mundo e foi o responsável por 9,6 milhões de mortes em 2018. Nesse sentido, com o objetivo de conscientizar e chamar atenção da população, a Câmara realizou nesta terça-feira (9) sessão solene em homenagem ao Dia Mundial de Combate ao Câncer, celebrado em 8 de abril.

O deputado Weliton Prado (MG) comentou sobre o requerimento 14/19, de sua autoria, que cria a Comissão Especial sobre o Combate ao Câncer no Brasil. A comissão tem como objetivo diagnosticar o aumento do número de cânceres no Brasil, as dificuldades de acesso aos exames e tratamento, o cumprimento da legislação e a elaboração de projetos voltados ao combate da doença.

Weliton Prado é o único parlamentar que registrou em cartório o compromisso público de destinar 100% de suas emendas individuais para o tratamento do câncer.

“Independentemente da nossa diferença política e partidária estamos unidos para enfrentar o câncer. O combate à doença tem pressa, precisamos garantir o tratamento, o acompanhamento e o diagnóstico precoce. Fiscalizar e debater o assunto é de extrema importância para a sociedade, por isso, requeri a criação da Comissão Especial sobre o Combate ao Câncer no Brasil”, afirma Weliton Prado.

Os cânceres que mais matam atualmente são: pulmão (1,76 milhão de mortes); colorretal (862 mil mortes); estômago (783 mil mortes); fígado (782 mil mortes); e mama (627 mil mortes).

 

Redação PROS na Câmara

Sem tags