MERCOSUL: Eros Biondini debate medidas de combate às drogas

O parlamentar, membro indicado do Mercosul, fez novo pronunciamento em que buscou apoio para medidas que combatam o crescente aumento no consumo de drogas na América Latina.

12/11/2018 às 18:01 - Atualizada em 12/11/2018 às 18:58


O deputado federal Eros Biondini (PROS-MG) fez novo discurso no Parlamento do Mercosul sobre o crescente aumento no consumo de drogas na América Latina. O parlamentar é membro titular na Comissão de Assuntos Internos e de Segurança e Defesa. Nesta Comissão, Eros já abordou o “expressivo aumento da criminalidade do Uruguai”, além de reuniões em que promoveu o debate sobre a política de liberação das drogas.

“A presente tendência de liberação das drogas no mundo coloca em perigo os jovens, em particular naqueles países, como os da América Latina, onde se encontram substanciais parcelas da população vivendo em condição de miséria”, disse.

Em abril, Eros Biondini divulgou documento declaratório no Mercosul em que falava sobre a necessidade deste Parlamento, bem como outras instituições do Bloco, levarem adiante a discussão sobre o consumo de drogas e de medidas que possam ser discutidas para frear este crescimento.

“Desejamos profundas discussões sobre o tema, com a participação de organizações da sociedade civil, sobre as graves consequências para as sociedades dos países da região, com relação à legalização das drogas”, afirmou.

Nas suas redes sociais, Eros Biondini pediu apoio e divulgação sobre o tema: “Quero agradecer o apoio que tenho tido em todo o Brasil em relação a esse meu trabalho. Ajudem a divulgar a nossa luta pela recuperação dos nossos dependentes químicos. Deus nos abençoe!”, declarou.

A sessão plenária do Parlasul aconteceu na manhã desta segunda-feira (12), na cidade de Montevidéu, no Uruguai, sede do Parlamento. O Parlasul é a instância regional que reúne parlamentes da Argentina, Brasil, Paraguai, Uruguai e Venezuela.

Redação/PROS na Câmara