Deputados do PROS cobram derrubada de veto sobre reajuste a agentes de saúde

Veto impede reajuste do piso salarial dos Agentes Comunitários de Saúde e de Combate às Endemias.

16/10/2018 às 17:58


Os parlamentares do PROS se articulam para tentar derrubar o veto presidencial nº 32/18 relacionado à Lei 13.708/18, que regula a atividade dos Agentes Comunitários de Saúde e Combate às Endemias.

O Congresso Nacional convocou sessão para esta quarta-feira (17) para análise de diversos vetos polêmicos, incluindo este que beneficia essas categorias.

“Não posso concordar com isso. Tenho uma postura muito clara em defesa do trabalhador, seja votando contra a Reforma Trabalhista, a Previdência e votando, duas vezes, para que o presidente da República fosse investigado”, disse o deputado Vitor Valim (PROS-CE).

O veto da Presidência da República incidiu sobre o reajuste de 52.86% do piso salarial dos profissionais, previsto no texto enviado à sanção.

O deputado André Amaral (PROS-PB) cobrou um posicionamento do Congresso para a derrubada do veto.

“Mais uma vez gostaria de me posicionar ao lado desses homens e mulheres, que talvez sejam os que melhor conhecem a realidade dos municípios, não só na parte da saúde, mas social”, disse André Amaral

 

 

Redação/PROS na Câmara