“O Congresso não pode esperar mais”, diz Felipe Bornier sobre crise com caminhoneiros

Felipe Bornier criticou o cancelamento de mais uma reunião de Líderes na Câmara dos Deputados e a ausência de pautas positivas para solucionar a crise com os caminhoneiros.

28/05/2018 às 18:03:31 | Atualizada em 28/05/2018 às 18:20:23 | 188 visualizações

Em discurso nesta segunda-feira (28) no Plenário da Câmara, o líder do PROS, deputado Felipe Bornier (RJ), criticou a morosidade do Legislativo diante da crise enfrentada pelo País com a paralisação dos caminhoneiros.

Assista, abaixo, o vídeo do pronunciamento.

“É um momento propício para sermos interlocutores entre o Governo Federal e o movimento dos caminhoneiros, que apoiamos e nos solidarizamos. Não podemos esperar mais uma semana e fico triste em saber que a terceira reunião de líderes foi cancelada. Essa é uma pauta de todo cidadão brasileiro e, portanto, precisamos encaminhar o mais rápido possível. A sociedade está sendo refém do movimento, o qual, como disse, apoiamos, mas precisa ter algumas limitações”, disse Felipe Bornier.

Na oportunidade, Felipe Bornier disse que é uma grande oportunidade para o Congresso Nacional discutir uma ampla reforma tributária.

“Nesse momento de crise pelo qual passa o País, recebendo as diversas e justas reivindicações dos trabalhadores caminhoneiros, o Parlamento deve aproveitar para discutir uma ampla reforma tributária em nosso País. Precisamos de mudanças que atendam as expectativas do povo brasileiro”.

Pauta

O Congresso Nacional recebeu nesta segunda-feira (28) as três medidas provisórias assinadas pelo presidente Michel Temer que resultaram do acordo com os caminhoneiros para por fim à greve nacional iniciada no dia 21.

Além das MPs, o governo anunciou a redução de R$ 0,46 no preço do litro do diesel por 60 dias.

 

Redação PROS na Câmara

Sem tags