Eros Biondini cobra reunião com presidente Michel Temer para discutir política de drogas

De acordo com Biondini, a pasta, tão dependente de políticas públicas, está sofrendo por falta de ações, orçamento e incentivos do governo.

08/06/2016 às 12:13:00 | 204 visualizações

O presidente da Frente Parlamentar em Defesa das Comunidades Terapêuticas, Acolhedoras e APAC's da Câmara, deputado Eros Biondini (Pros-MG), mostrou preocupação com o descaso em relação à política de drogas no País. O parlamentar discursou no início da sessão extraordinária desta terça-feira (8).

De acordo com Biondini, a pasta, tão dependente de políticas públicas, está sofrendo por falta de ações, orçamento e incentivos do governo. “Há um descaso muito grande com a política de drogas no nosso País. Depois, não podemos ficar lamentando por causa de assassinatos, estupros e crimes em decorrência do uso de drogas por essas pessoas”, disse.

A Confederação Nacional de Comunidades Terapêuticas (Confenact), apoiada pela Pastoral Nacional da Sobriedade e pelas comunidades terapêuticas, enviou pedido ao parlamentar para que intercedesse junto à Liderança do Governo na Casa para a realização da audiência com o presidente Temer.

Na quarta-feira (1) no Plenário da Casa, Biondini manifestou sua insatisfação com o corte anunciado pelo governo afastado de Dilma Rousseff no orçamento destinado ao combate às drogas. Em especial, Biondini criticou o corte de 41% no orçamento da Secretaria Nacional de Políticas Sobre Drogas (Senad).

Redação PROS na Câmara

Sem tags