Odorico Monteiro participa de missão oficial em Harvard

Segundo Odorico Monteiro, esta imersão contribui para melhorar a gestão e elaboração de projetos cuja pauta se traduz na importância em defender a infância brasileira

18/03/2016 às 13:55:00 | 271 visualizações

O deputado Odorico Monteiro (Pros-CE) integra comitiva oficial que participa do curso de Liderança Executiva em Desenvolvimento da Primeira Infância pela Universidade de Harvard, nos Estados Unidos. Pós-doutor em Saúde, Odorico preside a Subcomissão Permanente da Saúde e integra a Frente Parlamentar da Primeira Infância na Câmara dos Deputados.

O objetivo do curso é fomentar o engajamento de formuladores de políticas públicas, gestores públicos e representantes da sociedade civil no diálogo a respeito da ciência como desenvolvimento da primeira infância e da efetiva resolução pelos gestores públicos dos complexos problemas da realidade brasileira.

A comitiva oficial receberá uma semana de aula em Harvard, onde os participantes terão acesso a cursos voltados para o estado da arte e da ciência no desenvolvimento da primeira infância; a qualidade e a inovação em programas de desenvolvimento infantil e em modelos de ganho de escala; e as estratégias e as habilidades de liderança pública. 

Segundo Odorico Monteiro, esta imersão contribui para melhorar a gestão e elaboração de projetos cuja pauta se traduz na importância em defender a infância brasileira. "Esse momento de imersão faz parte de nossa estratégia em avançar no desenvolvimento de ações concretas voltadas às nossas crianças. Apoiar e fortalecer a iniciativa já desenvolvida no Ceará, com a primeira dama Onélia Leite, também é nosso objetivo", ressaltou.

As atividades do curso ocorrem em duas etapas presenciais, além de facilitadores como as ferramentas online de conferências e as sessões regulares de supervisão. Com duração de três meses de trabalho e de pesquisas, os participantes apresentarão seus próprios planos de ação, bem como as estratégias de implementação dos mesmos. Estudos de casos de iniciativa brasileira também serão exigidos, além de estratégias que, a longo prazo, contribuam para uma agenda propositiva voltada à primeira infância no País.

Com informações da assessoria do parlamentar

Redação PROS na Câmara

Sem tags